Boas Novas: "sede perfeitos"

Raios cruzam os céus, desenhando rabiscos incandescentes, bonitos porém assustadores. O retumbar dos trovões se torna cada vez mais intenso, até ficar quase insuportável. Jesus é insuportável: inconveniente, faz com que as consciências adormecidas despertem do seu soninho tão gostoso... Esse mestre não pode ver ninguém tranquilo, ele não permite ninguém descansando na doce paz da ignorância...

Paramos a nossa leitura do Evangelho em Matheus, capítulo 5, verso 26. E a partir daqui, percebemos que o clamor do Cristo vai ficando cada vez mais difícil de entender, de aceitar, de se tentar colocar em prática...




"Ouvistes que foi dito: Não adulterarás.

Eu, porém, vos digo: todo aquele que olhar para uma mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.

Se o teu olho direito te faz tropeçar, arranca-o e lança-o longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno.

E, se a tua mão direita te faz tropeçar, corta-a e lança-a de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que vá todo o teu corpo para o inferno.

Também foi dito: Quem repudiar sua mulher, dê-lhe carta de divórcio.

Eu, porém, vos digo: todo aquele que repudia sua mulher, a não ser por causa de infidelidade, a faz adúltera; e quem se casar com a repudiada, comete adultério."



Mestre, por que não nos deixaste como estávamos, ensinados pelos fariseus? Eles nos ensinavam a lavar e polir o exterior do copo e do prato muito bem. - Isso podia até dar um pouco de trabalho, mas era bem mais fácil de fazer... Mas tu... O que queres, Senhor? O que esperas de nós? Somos só pobres seres humanos, às voltas com nossas vidinhas despretenciosas... Porque esperas que sejamos super-humanos??

O homem saudável que por acaso estiver lendo isto, que nunca em sua vida olhou para uma mulher para a cobiçar, que jogue a primeira pedra. - Ou então a mulher jovem e bonita, que por acaso estiver lendo isto, que nunca se vestiu para ser cobiçada... Se o meu olho me escandaliza, devo arrancá-lo o atirá-lo longe de mim?

E quanto ao divórcio? É sempre inadmissível? Mas e se o meu casamento, por qualquer motivo, não der certo? Eu nunca mais terei o direito de reconstruir a minha vida, de tentar ser feliz ao lado de uma outra pessoa?

Como é que qualquer cristão, ou mesmo qualquer pessoa que tenha Jesus como autêntico mestre espiritual, poderia manter paz na alma diante de afirmações como as que acabaram de ser colocadas aí acima? Estamos todos condenados?

Considerando-se essas sentenças, o inferno deveria ser um lugar muito grande, pois teria que conter praticamente a humanidade inteira! Ou, bem... talvez alguns poucos até poderiam alimentar alguma esperança de se salvar, como aquele pobre adepto da Congregação Cristã no Brasil do interior de São Paulo, que cortou fora o próprio pênis por ter se divorciado, após ser alertado desta (e outras parecidas) passagem bíblica por alguns dos seus irmãos de fé... Não, não se trata de humor negro, o caso é real e foi divulgado até no site Darwin Awards.




“Adoro Jesus e acho ele o maior dos mestres, mas não gosto do jeito como a Bíblia ameaça as pessoas, como quando Jesus fala sobre o inferno. (...) Nunca resolvi certas coisas na minha cabeça. Fica um conflito entre Jesus, o Deus Pai do Amor, e o Deus que manda gente pro inferno por causa de erros humanos!”

- Trecho de email enviado por uma leitora, no ano de 2007, falando sobre suas dificuldades pessoais em entender Jesus Cristo.


A verdade é que muita gente imagina que falar de Jesus é somente falar de paz, Luz, Amor, União... E é claro que se trata disso, também, mas não só isso. Como o próprio Cristo disse:

"Não penseis que vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas espada. Porque eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra; e assim os inimigos do homem serão os da sua própria casa."

Matheus, 10: 34 - 36


É isso, joguei um pouco de lenha na fogueira. Estamos estudando os Evangelhos, e eu não vou pular os trechos difíceis e nem me ater somente aqueles que todo mundo gosta... A solução para os aparentes enigmas aqui colocados, eu deixo para cada um de vocês. Ou não. - Mas vou deixar uma dica daquilo que eu penso: o Cristo espera de nós que sejamos mesmo super-humanos. E nós podemos. Mais uma vez eu encerro dizendo: Boa meditação!



Tradução da Bíblia utilizada: "Almeida Revisada Imprensa Bíblica"



( Comentar este post